Negócios

Nossos Negócios

Odebrecht Defesa e Tecnologia

Criada em 2011, a Odebrecht Defesa e Tecnologia provê soluções inovadoras que contribuem para a autonomia tecnológica brasileira e das Forças Armadas por meio de projetos, tecnologias e produtos de alta complexidade de uso militar e civil.

O Negócio atua no contexto da implantação da Estratégia Nacional de Defesa (END) do Estado Brasileiro para modernização do setor e reestruturação da indústria de defesa nacional. Para desenvolver e aplicar tecnologias tão avançadas, a Odebrecht Defesa e Tecnologia conta com equipes altamente capacitadas para atender às necessidades dos clientes, o que resulta no perfil atual de integrantes, em que mais de 33% têm entre nível superior e pós-doutorado.

A Odebrecht Defesa e Tecnologia atua no mercado de defesa através das empresas:

  • Itaguaí Construções Navais (ICN): voltada para a construção de submarinos com propulsão convencional e com propulsão nuclear do Programa Nacional de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB), da Marinha do Brasil;
  • Consórcio Baia de Sepetiba (CBS): responsável pelo planejamento, coordenação, gestão e administração das interfaces do PROSUB;
  • Mectron: com foco no desenvolvimento e fabricação de produtos de alta tecnologia e sistemas complexos para usos militar e civil. 

Por meio das empresas acima, a Odebrecht Defesa e Tecnologia investe na expansão da capacidade operacional da defesa nacional por meio da capacitação de equipes e retenção de conhecimento. A atuação do negócio se dá por meio de desenvolvimento de tecnologias em diversos segmentos do mercado de defesa. Entre eles os principais são:

  • Embarcações e monitoramento oceânico: por meio do Programa de Desenvolvimento de Submarinos, a Odebrecht Defesa e Tecnologia, em parceria com a francesa DCNS, produz o primeiro submarino com propulsão nuclear do Brasil e outros quatro submarinos com propulsão convencional. 
  • Armamentos inteligentes: produtos com sistema de busca integrado e alta capacidade de detecção e rastreio de alvos. Entre os principais produtos estão mísseis de alto e curto alcance, que possuem guiagem em terra, ar e mar aberto.
  • Sistemas de comunicação: sistemas como LINK BR-2 e RDS garantem a segurança da informação em comunicações estratégicas nacionais que requerem sigilo e confiabilidade, com tráfego de dados por meio de enlace de dados, rádio e/ou satélites.
  • Radares: o produto projetado para a aeronave AMX é utilizado como o principal sensor de seu subsistema de armamento, detectando e rastreando alvos marítimos, terrestres e aéreos.
  • Espaço: a Odebrecht Defesa e Tecnologia desenvolve e fabrica plataformas multimissão como painéis solares,  baterias, unidades de condicionamento, transponders e antenas. Além disso, também são produzidos satélites e veículos lançadores de satélites. 

Prêmios e Reconhecimentos

Entre as conquistas mais recentes estão:

  • Empresas Estratégicas de Defesa (EED): a Odebrecht Defesa e Tecnologia e a Mectron são qualificadas pelo Ministério da Defesa do Brasil como importantes produtoras de bens e serviços do setor de defesa do Brasil.
  • Prêmio FINEP: reconhecimento ao trabalho de gestão de inovação, à internacionalização e às parcerias em 2013.
  • Prêmio Destaque na Exportação de Serviços: reconhecimento da importância da atuação da Mectron em mercados internacionais e exportação de serviços de alta tecnologia para o setor de defesa e aeroespacial no ano de 2013.

Túnel do Tempo

Com o lançamento da Estratégia Nacional de Defesa (END), em 2008, pelas Forças Armadas do Brasil, uma das primeiras iniciativas foi a instituição do Programa Nacional de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub), da Marinha do Brasil. Escolhida pela francesa DCNS – uma das líderes mundiais em defesa naval –, a Odebrecht passou a integrar o Consórcio Baía de Sepetiba (CBS), que gerencia o programa, e a Itaguaí Construções Navais (ICN), responsável pela construção dos submarinos, com transferência de tecnologia.

Em 2011, a atuação da Organização se fortaleceu com a criação da Odebrecht Defesa e Tecnologia. No mesmo ano, o Negócio adquiriu o controle da Mectron – empresa com 20 anos de serviços prestados às Forças Armadas, integradora de sistemas complexos para os setores de defesa, espaço e segurança pública.

A Odebrecht Defesa e Tecnologia é a única empresa na América Latina a fabricar míssil antirradiação e uma das três no mundo que possui essa expertise.